Blog

A terceira idade e o medo de informática

Podemos considerar como idoso ou terceira idade pessoas com 60 anos ou mais, algumas fontes consideram que a partir dos 50 anos já podemos considerar. Eu gostaria de utilizar a classificação de gerações comumente utilizada hoje em dia pra definirmos o nosso publico, portanto vamos utilizar os termos Baby Boormers que são os nascidos a partir do final da Segunda Guerra entre 1943 e 1960, e a Geração X nascidos entre 1960 e 1983.

Devagar e sempre

O medo é sempre o fator inicial que vai inibir o contato e a relação entre a maquina e o aluno da terceira idade, eles vem com a premissa em que sempre tem um neto ou sobrinho, ou qualquer parente próximo mais jovem que realiza as configurações e trabalhos utilizando computadores para eles. Desmitificar este medo é a tarefa inicial do professor de informática, mostrando primeiro o que podemos fazer com o computador e gradativamente mostrando os periféricos de entrada de informação: teclado, manuseio do mouse e mensagens da tela.

Dicas para uma boa introdutória

Historia da Microinformática: Sempre diga ao aluno o porque das coisas serem do jeito que são e sua evolução, isso vai mostrar o seu domínio do assunto, seus alunos vão entender melhor os conceitos que serão abordados mais à frente e quebrar gelo da aula inicial. Lembre-se o contrário de medo é coragem, só temos medo daquilo que não conhecemos e não sabemos sua origem, explicando os conceitos iniciais da tecnologia, eliminamos o medo e o aluno se torna corajoso para prosseguir pelo caminho do conhecimento e sair da zona de conforto inicial.
Entendendo os dispositivos de entrada: Apesar de a grande maioria dos dispositivos serem touch screen e podemos dar ordens através de comandos de voz para as maquinas, tenha certeza que uma grande parcela do nosso público não tem a noção do uso destas funcionalidades. Portanto inicie com uma boa aula sobre funcionamento do teclado e PRINCIPALMENTE do mouse. Para muitos idosos enxergar a “seta” do mouse é difícil e seu manuseio mais ainda, trabalhe exercícios de “clic” sobre botão nos menus do sistema operacional, como estarão em um ambiente de simulação, estimule o erro, para que apareça mensagens e caixas de diálogo do sistema operacional, incentive que seja feita a leitura, interpretação dos aviso e a tomada de decisão. Ganhamos aqui dois aprendizados, o de manuseio o mouse e leitura de mensagens na tela, a partir destes pontos a iteração humano e maquina rompe a barreira do medo e você verá seus velhinhos com sorriso no rosto!

Os termos “informáticos”

Evite ao máximos jargões e termos técnicos demais da TIC(Tecnologia da Informação e Comunicação), simplifique sempre e caso não tenha jeito explique o significado do que vocês esta dizendo, por exemplo:

Ao invés de dizer: -Acessem o browser e entrem na url www.raphamaster.com.br

Diga: – Abram o navegador de internet e digitem na barra de endereços acima o site…….

Ao invés de dizer: – Vamos abrir o Word e editar um texto para depois gerar um PDF para enviá-lo anexo em uma e-mail.

Use: Vamos aprender agora como podemos escrever um texto utilizando um software ou programa chamado Word, assim como em uma folha de papel podemos digitar as palavras e depois salvar para enviar à outras pessoas ou até mesmo por mensagem de correio eletrônico o famoso e-mail!

Eu sei que você deve estar pensando ai: – Poxa vida, mas ai é simplificar demais, é como se estivéssemos ensinando bebês!

Sim é isso mesmo, quando somos simples não quer dizer que o explicamos é simplório, no caso simplificarmos para o fácil entendimento e compreensão do aluno, estamos cumprindo nossa função com professores, prover o total entendimento e acesso ao conhecimento para nossos alunos idosos.

Quando aos bebês, é exatamente isso que quero que você meu caro leitor entenda, estamos falando de uma explicação em Baby Steps ou passos de bebê, onde passo a passo detalhadamente vamos “esmiuçando” os detalhes e desmitificando o caminho do conhecimento, guiando nosso aluno ao entendimento e como escrevi no inicio do nosso artigo, devagar e sempre.

Ensine a ligar desligar do computador

Você não leu errado, é isso mesmo. Eu dei aulas para muitos nessa faixa etária e na aula inicial vi o constrangimento em não saberem desligar o PC ao final da aula, e JAMAIS devemos deixar que os alunos se sinta constrangidos. Independente do sistema operacional que você utiliza, mostre como desligar e ligar o PC.

O que vem depois?

Mostrar utilização e proposito de uso, ou seja, começar pelas funcionalidades que vão fazer diferença e impacto já nas primeiras lições e exercícios. Abaixo uma lista do que considero importante:

Navegador e Internet: Tudo é possível de se fazer pela internet e isso não é novidade para ninguém, então nada mais justo do que começar por ela, mostre o navegador, as funcionalidades como abas, ir e voltar das paginas, o que são links, pesquisa no Google e navegação em sites de noticias por exemplo.

Obs.: Você sabia que o botão mais utilizando no navegador é o botão de Voltar?

Apresente as principais lojas de e-commerce brasileiras e mostre que para comprar é necessário um e-mail e cadastro, é sempre muito divertido ensinar como usar a internet para coisas úteis e você notará muitas perguntas e interessa geral por parte de todos.

E-mail: Explique o conceito básico do funcionamento de e-mail(endereçamento, envio e recebimento), faça cada um criar seu próprio endereço de correio eletrônico e realizar envios entre si.

Pacote Office: Seja o Microsoft Office, Libre Office ou qualquer outra suíte de aplicativos para escritório, ensine! Porém foque sempre na utilização e prática dos mesmos, não ensine por exemplo uma formula PROC() do Microsoft Excel se isso não for fazer a diferença na utilização do computador por eles. Mostre o uso destas ferramentas no cotidiano por exemplo:

Escrever um texto no Word para depois enviar por e-mail à um parente distante
Lista de tarefas controladas no Excel
Lista de compras em um supermercado utilizando Microsoft Word
Controle básico de gastos usando planilha.
As aulas ficaram bem mais interessantes e atraentes.

Fotos

Recomendo que para o ensino dos recursos básicos do sistema operacional, você utilize a organização de fotos para tal. Todos temos fotos de vários momentos de nossa vida, e precisamos organizá-las para revê-las sempre que sentimos saudade de alguém ou recordar um momento agradável que vivemos, para os nosso querido publico em questão, rever as fotos de alguém que se considera é algo muito importante e pode preencher a saudade e a solidão.

Através da internet e redes sociais quebramos as barreiras da distância e isso é plenamente possível de ensinar.

Ensine a organização de pastas, criação de diretórios, copiar, recortar e apagar as fotos, estas são funcionalidade que através de uma maneira prática – organizando fotos – trazem um resultado muito expressivo no aprendizado.

Redes Sociais

Sim é muito importante ensinarmos como acessar as redes sociais e mais importante ainda, considero um dever do professor, ensinar boa praticas e a NETIQUETA no uso de redes socais, lembre-se disso!

Espero que estas dicas possam ajudar vocês no dia a dia das aulas para prover o melhor ensino.

E você como ministra suas aulas? Tem alguma dica para compartilhar conosco? Alguma experiência legal com seus alunos? Vamos juntos debater nos comentários e trocar experiencias.

Retirado de <http://www.raphamaster.com.br/blog/aulas-de-informatica-para-terceira-idade/>

Idoso e a internet: dicas para acessar na terceira idade

Segundo dados do IBGE, o uso da internet por pessoas com mais de 50 anos aumentou consideravelmente, entre 2005 e 2011. Um aumento de mais de 200% no acesso à rede por essa população.

Ainda assim, essa faixa etária continua a ser a menos “engajada” na internet, o que pode ser justificado pela dificuldade de se “conectar” ou pelo comodismo de usufruir das informações nos meios mais tradicional.

Pensando no idoso e a internet, preparamos algumas dicas para o idoso pode se beneficiar, e muito, do uso da internet:

– crie uma conta em rede social, como o Facebook, para se conectar com filhos, netos, primos e irmãos. Assim, dá pra se sentir mais próximo da família acompanhando fotos e o cotidiano de parentes mais distantes.

– pesquise, em buscadores como o Google, informações imediatas, como telefones de serviços para manutenção de casa, como chaveiro, eletricista e outros.

– acesse a conta no banco, os sites estão cada vez mais seguros e o idoso pode efetuar a maioria das operações oferecidas pelos bancos. Assim, não há o trabalho de se deslocar e, principalmente, o risco de ser assaltado.

– verifice mapas e rotas que poderão ser necessárias, como endereços de médicos, casa de amigos e qualquer outro destino desejado.

– e ate, e porque não, ousar em fazer compras em sites de lojas já conhecidas, considerando a praticidade e a possibilidade de haver preços mais competitivos.

E lembre-se que é muito importante manter seu computador seguro! Sempre mantenha seu antivírus atualizado, nunca esqueça de fazer logout de suas contas (seja do Facebook ou do seu banco) e mude suas senhas de acesso frequentemente!

Se você está pensando que não sabe nem por onde começar, existem diversas escolas com turmas exclusivas para terceira idade e também professores de informática que oferecem atendimento individual em casa.

Ouse! Inove! Conecte-se!
Fonte <http://www.asphi.com.br/destaque/idoso-e-a-internet-dicas-para-acessar-na-terceira-idade>

Regina Pimentel

Regina Pimentel é engenheira eletricista, M.Sc. em Engenharia de Sistemas, atualmente aposentada.

Suas especialidades principais são planejamento energético, regulação setorial e economia da energia. Além disso, ela é interessada em literatura, e mantém uma página na internet dedicada a Eureka, ensaio metacientífico de Edgar Allan Poe dedicado à cosmologia. Hoje, está voltada primariamente para o estudo de línguas e de filosofia da ciência.

Regina já não é mais minha aluna regular, mas me chama de vez em quando para resolver alguns problemas do computador ou para dúvidas mais específicas. Você pelo currículo e experiência descritos, que ela beira a genialidade. Sim, um crânio em Matemática avançada, cálculo diferencial e integral e cálculos complexos em Estatística avançada, também já estudou Conscienciologia. Esse menina não é fácil!!

Eu adoro o que faço, adoro mesmo dar aulas e faço verdadeiros amigos!! Ela também me concedeu duas fotos e permissão para postá-las:

REgina Aluna Vip Web Site Arte Curitiba

 

REgina Aluna Vip Web Site Arte Curitiba

 

Maria Aparecida Kuerten

A MAK, como ela mesmo se intitula, é uma pessoa muito ativa, muito inteligente e esperta. Confesso que é difícil encontrar um aluno da terceira idade tão ativo quanto ela. Faz Yoga e Pilates, trabalha com Coaching – é uma palavra em inglês que indica uma atividade de formação pessoal em que um instrutor (coach) ajuda o seu cliente (coachee) a evoluir em alguma área da sua vida. E me contratou para desenvolver um Site e blog junto com ela.

Acredite, nós nos encontramos 3 vezes por semana durante 2 horas cada encontro e conversamos não apenas sobre informática, mas sobre arte, consci~encia, ética, desempenho intelectual, espiritualidade e muitos assuntos bacanas. MAK é Psicóloga e Filósofa, tem as duas formações completas além de ter recebido premios de pintura. Viúva, mora bem próximo ao Parque Barigui e não para quieta com eventos e fóruns da Landmark onde ela bota para quebrar.

Eu pedi fotos e permissão para mostrá-la em meu site, vamos lá:

Maria Aparecida Kuertem - Landmark

 

MAK - Maria Aparecida Kuerten - Landmark

 

MAK - Maria Aparecida Kuerten - Landmark

 

MAK - Maria Aparecida Kuerten - Landmark

Dicas de Segurança para WordPress

Definir corretamente as permissões para as pastas e arquivos é necessário, pois assim você impede que os arquivos sejam acessados e as informações confidenciais sejam obtidas.

Abaixo segue a tabela com os códigos de permissão (formato octal):

|   | r | w | x |                    ”’Descrição”’
| 0 | – | – | – | Nenhuma permissão de acesso.
| 1 | – | – | x | Permissão somente de execução (x).
| 2 | – | x | – | Permissão somente de gravação (w).
| 3 | – | x | x | Permissões de gravação e execução (wx).
| 4 | x | – | – | Permissão somente de leitura (r).
| 5 | x | – | x | Permissões de leitura e execução (rx).
| 6 | x | x | – | Permissões de leitura e gravação (rw).
| 7 | x | x | x | Permissão total (leitura, gravação e execução, rwx).
Arquivo/Diretório Permissão
.htaccess 444
wp-config.php 440
index.php 644
/themes 711
/wp-admin 755
/wp-includes 755
/wp-content 755

Atualizações

Temas e Plugins
Temas e plugins podem ser a porta de entrada para as invasões. Por isso é fundamental manter seu tema / plugin sempre atualizado, pois conforme as versões do WordPress são atualizadas, algumas funções podem se tornar obsoletas e outras podem ser adicionadas. Atualizar a versão de seu WordPress é adicionar um fator proteção maior, pois cada atualização traz novas implementações de segurança.
No menu lateral do WordPress, clique nas opções: Painel » Atualizações. Será exibido um aviso se houver alguma atualização, basta clicar no botão Atualizar agora. O processo de atualização geralmente é bem rápido e não costuma derrubar seu site. (Como eventualidades podem ocorrer nas atualizações), por isso é recomendado fazer uma cópia de segurança de seu banco de dados e arquivos antes de fazer as atualizações.

Plugins

Plugins de segurança ajudam a incrementar a proteção e blindar seu WordPress. Abaixo seguem alguns plugins usados e recomendados pela grande maioria.

Askimet
– Essencial para filtrar comentários maliciosos inseridos por Bots que inundam muitos blogs com links de Phishing..
SI Captcha Anti-Spam
– Insere um captcha nas páginas de comentários para impedir comentários inseridos por Bots..
Jetpack
– Jetpack é um dos plugins mais usados, além de implementar funções de segurança e monitoramento, traz diversos outros recursos que expandem as funcionalidades de seu WordPress..
BulletProof Security
– Este plugin adiciona algumas funções interessantes como por exemplo: proteção do arquivo .htaccess, backup do banco MySQL, alteração de prefixo da tabela MySQL, logs de segurança e mais.
iThemes Security
– Um dos melhores e mais usados plugins de segurança. Receba alertas via email, bloqueie IP’s e tentativas frustradas de logon, bloqueie usuários, realize backup do banco de dados, altere o caminho de acesso a sua administração e muito mais..
BruteProtect
– Assim como o Jetpack, este plugin é desenvolvido pela Automattic, empresa proprietária do WordPress. Possuí funções de proteção avançada contra ataques do tipo BruteForce, protegendo sua área de administração. Futuramente o Jetpack irá incorporar este plugin..
Sucuri Security
– Desenvolvido pelo time de especialistas em segurança da Sucuri, este plugin pode varrer seu site em buscar de possíveis Malwares. Possuí Firewall embutido, controle de acesso e ferramentas de auditoria..
WP-Optimize
– Uma opção para otimizar as tabelas de seu banco MySQL, remover opções transitórias, pingbacks e comentários de Spam filtrados pelo Askimet, sem dúvida o melhor do gênero..
Rename WP-login
– Este plugin possuí apenas uma funcionalidade, ele apenas altera a URL de acesso a administração do WordPress.
Ex.: http://dominio.com.br/wp-admin para http://dominio.com.br/administracao.
plugin WP Login Lockdown
– Com esse plugin é possivel criar uma restrição na quantidade de acessos ao admin do wordpress, exemplo limitando a 3 tentativas, caso digite mais de 3 vezes errado o wordpress vai realizar o bloqueio do IP onde esta sendo feito essas tentativas.
All In One WP Security
– Reduz os riscos de segurança, verificando vulnerabilidades e implementando e aplicando as mais recentes práticas e técnicas recomendadas de segurança do WordPress com firewall, funções de bloqueio, escaneamento e monitoramento de tráfego verifica a integridade do núcleo de arquivos/diretórios, plugins e arquivos de temas. Se os arquivos forem diferentes das versões originais, ele será mostrado nos resultados da verificação e também os arquivos alterado. (recomendamos da uma atenção especial a esse plugin) .
Wordfence Security
– Possuí firewall, funções de bloqueio, escaneamento e monitoramento de tráfego. Ele é capaz de verificar a integridade do núcleo de arquivos/diretórios do WordPress, plugins e arquivos de temas. Se os arquivos forem diferentes das versões originais, ele será mostrado nos resultados da verificação e também os arquivos alterados. O Wordfence também pode dizer se existem arquivos desconhecidos localizados no diretório de instalação do WordPress (recomendamos da uma atenção especial a esse plugin).

Troque o nome de usuário administrador para seu e-mail

Force Email Login

Use seu endereço de e-mail em vez de um nome de usuário para entrar no seu WordPress.

É uma maneira fácil de proteger contra ataques de força bruta.

https://github.com/miya0001/force-email-login

ALGUMAS CARACTERÍSTICAS:

Use o endereço de e-mail em vez do nome de usuário para fazer o login.
O login com o nome de usuário é sempre negado.

 


WordPress, Hospedagens, Hosts, sites, Curitiba, curso de informática, aula de informática, curso vip. terceira idade,

DOWNLOADS LIMPOS E RÁPIDOS – SOFTWARE E JOGOS

Esqueça o Baixaki, seus vírus e adwares, que infectam nossos computadores e também seus gerenciadores de download, que roubam informações pessoais, o http://uptodown.com/windows – tem as melhores opções limpas e diretas para baixarmos programas, softwares e games.

Temos também o http://br.ccm.net/download/

downloads, downloads rápidos, DOWNLOADS LIMPOS, DOWNLOADS LIMPOS E RÁPIDOS, SOFTWARES E JOGOS, SOFTWARES, JOGOS, terceira idade, curso de informática, Curitiba,

Caminho para desinstalar Extensões Google Chrome a força

As vezes alguns Adware instalam extensões maliciosas no navegador sem percebermos e não conseguimos retirá-las de forma convencional. Elas não passam de um Malware que tentam dificultar ao máximo sua retirada pelo usuário, mas sempre existem meios mais forçados para obtermos sucesso, então segue a dica:

  1. Abra a página de gerenciamento das extensões: chrome://extensions/
  2. Identifique o ID da extensão abaixo do ícone dela em letras bem pequenas;
  3. Exiba os arquivos ocultos de seu windows;
  4. C:\Users\…seu-usuário-aqui…\AppData\Local\Google\Chrome\User Data\Default\Extensions
  5. Identifique a pasta com mesmo ID da extensão e clique nela
  6. Exclua com SHIFT + DELETE

Boa sorte!!!

Sou o Professor Dalton de Curitiba, ministro aulas de informática para Terceira Idade em Curitiba, atendo apenas na casa do aluno.

Segurança WordPress – Como ocultar os usuários e etc

Vou mostrar como ocultar os autores/usuários do seu WordPress.

Essa técnica utiliza o .htaccess e o módulo Rewrite (mod_rewrite)

Abra o arquivo .htaccess (está na raiz do seu site. Caso não existe, crie-o.) e cole os seguintes códigos:

# BEGIN GZASEC
<IfModule mod_rewrite.c>
RewriteCond %{QUERY_STRING} author=\d
RewriteRule ^ /? [L,R=301]
</IfModule>
# END GZASEC

# BEGIN GZASEC2
<IfModule mod_rewrite.c>
RedirectMatch /author/(.*) /
RedirectMatch /author$ /
</IfModule>
# END GZASEC2

O Primeiro evita que seus autores/usuários sejam descobertos através da técnica chamada User Enumeration.

Essa técnica é simples, basta por na barra de endereço: http://seusite.com.br/?author=1 e teclar ENTER que o wordpress vai retorna a página do autor/usuario.

O segundo, evita que os autores/usuários sejam descobertos pelo seu usuário.

Esse ataque poderia ser feito com o auxílio de uma wordlist (lista de palavras).

Um exemplo simples seria por o nome do site na barra de endereço: http://seusite.com.br/author/seusite.

Ou até mesmo:

http://seusite.com.br/author/admin

http://seusite.com.br/author/administrador

Sem o segundo código, o wordpress exibiria os posts relacionados ao autor/usuário em questão se o mesmo existisse.

Lembrando que o módulo Rewrite deve estar devidamente instalado em seu servidor.


Permissionamento de arquivos

A grande maioria dos casos que presenciamos de invasões é porque algum diretório foi equivocadamente configurado com todas as permissões possíveis, sem necessidade. Este é o famoso “Configure 777 no diretório, vai funcionar”. E eu posso afirmar que configurar “777” em um diretório é o mesmo que escrever atrás do seu cartão de banco a senha do débito ou saque. Ou seja, um erro motivado pela preguiça.

  • Use chmod 700 em seus programas executáveis (cgis)
  • Use chmod 755 em seus diretórios
  • Use chmod 644 em seus arquivos PHP
  • Use chmod 640 em seus arquivos wp-config.php.

Para mais informações aconselho a leitura do manual do WordPress, precisamente esta seção:
http://codex.wordpress.org/Changing_File_Permissions


Use o .htaccess como fator extra de proteção

Proteja o wp-config sempre que for possível. Experimente usar a seguinte configuração em seu .htaccess:

<files wp-config.php>
order allow,deny
deny from all
</files>


Use a autenticação de dois fatores do Google com seu mobile

O que é e como utilizar a conexão OTG (On The Go)?

Cabo OTG: O que é? Para que serve?

Você já imaginou abrir o pendrive no seu smartphone ou tablet, como se fosse no seu computador? Usando um cabo OTG, isso é possível.

Mas o que é um cabo OTG? Para que serve? Onde posso adquirir?

Neste artigo, você irá ver o que é um cabo OTG e para que serve, pois ele tem outras funcionalidades além dessa apresentada.

Cabo-USB-OTG1
Cabo-USB-OTG

O que é um cabo OTG?

O cabo OTG ou USB-OTG (do inglês USB On-The-Go) foi utilizado pela primeira vez em 2001, e permitia que dispositivos USB, como telemóveis (celulares) e leitores de áudio digital, funcionassem como um computador, passando assim a aceitar outras ligações como um pendrive, uma câmara (camêra) digital, um teclado ou um rato (mouse).

Assim sendo, hoje é possível ver o conteúdo de um pendrive, um disco (HD) externo, ligar um rato (mouse) ou teclado directamente no Android com este pequeno cabo.

Tipos-Cabo-USB-OTG2
Tipos-Cabo-USB-OTG

Como funciona?

De um lado, você irá ligar (plugar) o seu smartphone ou tablet e do outro lado no USB-OTG fêmea, você irá ligar (plugar) o dispositivo USB que você quiser. Simples, não é?

Se você quiser transferir ficheiros (arquivos) do seu smartphone ou tablet Android para um dispositivo de armazenamento de dados (pendrive ou disco HD externo), ou vice-versa, poderá fazê-lo usando o gestor de ficheiros (gerenciador de arquivos) do Android.

Existem smartphones e tablets incompatíveis!

Existem smartphones e tablets que não suportam esta tecnologia. Para se certificar se o seu smartphone ou tablet Android é ou não compatível, instale esta app “USB OTG Checker” (clique aqui para abrir no Play).

Para que serve?

Como já explicado anteriormente, com esse cabo USB-OTG você poderá ligar dispositivos USB como pendrives, discos (HD) externos, etc. directamente no seu smartphone ou tablet Android e máquinas fotográficas.

Utilize o cabo USB-OTG para jogar o seu videogame (jogo de vídeo), directamente com o seu comando (controle) ligado ao seu smartphone ou tablet Android.

Tipos de cabos USB-OTG

Com a variedade de conectores USB para smartphones e tablets Android, foram criados vários tipos de cabos USB-OTG:

Mini USB

Este modelo é comum em impressoras ou máquinas fotográficas.

Micro USB

Este cabo OTG com plug micro USB é mais usado em smartphones e tablets Android. Permite ligar periféricos como teclados e ratos (mouses), lanternas USB, etc.

USB 3.0

No “i-Técnico”, o USB 3.0, que já foi abordado (clique aqui), veio aumentar a velocidade de transferência de dados. Desta forma, com esse adaptador OTG, você poderá ligar um disco (HD) rígido ao seu smartphone Samsung Galaxy Note 3 e S5, aproveitando a rapidez da transferência de dados de um lado para o outro, para fazer backups (cópias de segurança) ou copiar ficheiros (arquivos).

Outros tipos

Existe um cabo OTG para tablets antigos da Samsung como o Galaxy Tab e Tab 2. Há também cabos OTG, que têm um leitor de cartão SD embutido, permitindo assim expandir a memória de um smartphone ou tablet Android e até algumas máquinas fotográficas que suportem esta tecnologia.

Onde posso adquirir?

Os cabos OTG são vendidos em qualquer loja de informática ou em vendedores ambulantes (camelôs).

Fonte integral: http://www.i-tecnico.pt/cabo-otg-o-que-e-para-que-serve/


Conheça os principais modelos de cabo USB OTG disponíveis no mercado

A USB OTG (do inglês USB On The Go) é uma tecnologia que possibilita a troca de arquivos diretamente entre dois dispositivos sem a necessidade de um equipamento intermediário. Com uma porta OTG, é possível, por exemplo, ligar um pendrive a um smartphone, ou permitir que um tablet receba arquivos de outro aparelho, além de conexão de periféricos, como mouses e teclados.

Conheça os principais modelos de cabos OTG disponíveis no Brasil e saiba para que servem.

Mini USB

Cabo OTG com porta mini USB (Foto: Divulgação)Cabo OTG com porta mini USB (Foto: Divulgação)

Modelo comum para uso em máquinas fotográficas e impressoras, o mini USB para fêmea OTG permite ligar pendrives, por exemplo, direto a equipamentos para obtenção de imagens e outros arquivos, sem a necessidade de usar um computador como intermediário. Comprar um desses é simples, pois é vendido até em camelôs. Na web, pode ser encontrado por menos de R$ 5.

Micro USB

Cabo OTG com porta micro USB (Foto: Divulgação)Cabo OTG com porta micro USB (Foto: Divulgação)

Com uso mais recorrente em celulares e tablets Android, o adaptador OTG com plug micro USB abre portas para periféricos, como mouses e teclados. Assim, você pode usar um desses para conectar ao seu smartphone e, usando a entrada fêmea, ligar um cabo USB 2.0 convencional de um teclado velho jogado por casa. Essa alternativa é mais barata, por exemplo, do que investir em acessórios Bluetooth, pois um cabo do tipo custa menos de R$ 20.

USB 3.0

Cabo OTG com porta USB 3.0 (Foto: Divulgação)Cabo OTG com porta USB 3.0 (Foto: Divulgação)

Para aproveitar velocidades maiores, o cabo OTG com conector USB 3.0 é o indicado, por exemplo, para quem tem um Galaxy S5. Com esse cabo, o usuário pode conectar um HD externo de alta performance diretamente no celular e expandir a memória consideravelmente. Para levar seus filmes HD consigo, será necessário desembolsar menos de R$ 30.

Com leitor de cartão SD

Adaptador OTG com entrada para cartão de memória (Foto: Divulgação)Adaptador OTG com entrada para cartão de memória (Foto: Divulgação)

Mais versáteis, os acessórios OTG com leitor de cartão SD embutido permitem expandir a memória de um celular, tablet ou algumas máquinas fotográficas com suporte à tecnologia – algo útil se a entrada original da câmera estiver oxidada. Conecte as pontas em seus dispositivos e um SD no meio, e tenha os arquivos acessíveis na hora por um preço baixo, até R$ 28 no Mercado Livre.

Tablets Galaxy

Cabo OTG compatível com tablets antigos da Samsung (Foto: Divulgação)Cabo OTG compatível com tablets antigos da Samsung (Foto: Divulgação)

Se você tem um tablet Samsung antigo, como o Galaxy Tab ou Tab 2, precisará de um cabo OTG com uma conexão específica. Mais larga, ela deixa o dispositivo tão versátil quanto um celular com um modelo micro USB: você pode conectar teclado, mouse ou até um pendrive para transferir arquivos de forma rápida com um computador. O adaptador é barato, custando menos de R$ 10.

30 pinos

Cabo OTG com conector de 30 pinos (Foto: Divulgação)Cabo OTG com conector de 30 pinos (Foto: Divulgação)

Embora ofereça menos liberdade para o uso de memória externa, gadgets da Apple como o iPhone 4e o iPad 3 também podem ser conectados com periféricos via OTG se o cabo tiver o plug de 30 pinos. Ligue teclados ao tablet ou smart da maçã e digite melhor sobre uma mesa na escola ou no trabalho gastando até R$ 15 com bastante pesquisa online nas lojas mais baratas.

Lightning

Cabo OTG com conexão Lightning para iPhone 5 ou superior (Foto: Divulgação)Cabo OTG com conexão Lightning para iPhone 5 ou superior (Foto: Divulgação)

Se você tiver um iPhone a partir do 5 ou iPad a partir da quarta geração, deverá adquirir um cabo OTG com porta Lightning, que é a conexão usada até hoje pela Apple em seus dispositivos móveis. Ela permite conectar o cabo de qualquer lado e oferece altas taxa de transferências, resultando em periféricos mais eficientes. Um adaptador do tipo custa cerca de R$ 30 no Mercado Livre.


 


Lista 2015 de celulares compatíveis com OTG em PDF


Como saber se o seu celular é compatível com o cabo OTG (Qualquer Celular) Atualizado ‹2017›


Como usar Cabo otg em qualquer celular !


Descubra se seu aparelho é compatível com USB OTG

Filipe Garrett  http://www.techtudo.com.br/tudo-sobre/usb-otg-checker.html – por FILIPE GARRETT em 08/08/2016 14h35

App USB OTG Checker

USB OTG Checker é um aplicativo útil para usuários que desejam aproveitar a funcionalidade OTG das portas USB de seus smartphones com sistema Android. O aplicativo tem como principal finalidade analisar o aparelho e determinar se o dispositivo é compatível com o padrão OTG (sigla de “On The Go”), que permite que pendrives, HDs externos, além de outros periféricos com portas USB grandes sejam plugados no smartphone com o uso de adaptadores. Além disso, o USB OTG Checker busca ser uma ferramenta completa, que permite a visualização de arquivos e pastas em unidades de armazenamento (para copiar e mover arquivos, é necessário adquirir a versão paga).

Nossa opinião

O USB OTG Checker é um aplicativo útil sob o ponto de vista de quem precisa de um app para descobrir se o aparelho é compatível com o OTG. Como trata-se de uma funcionalidade menos conhecida, é comum que fabricantes simplesmente omitam o suporte à ela nas fichas técnicas de seus aparelhos. Nesse sentido, o uso do USB OTG Checker é recomendado, já que saber de antemão se o dispositivo oferece funcionalidade OTG pode evitar que o consumidor jogue dinheiro fora comprando adaptadores e acessórios que podem não funcionar no celular.

Mas os elogios ao app, que é gratuito e em inglês, param por aí. A interface gráfica é defasada. Ela apresenta um aspecto com paleta cinza que relembra os primeiros momentos do Android e, além de desinteressante, é comprometida de forma gritante pela enxurrada de propagandas que interrompem o app e tornam o uso da ferramenta um teste de paciência.

Essa crítica é ainda mais relevante para quem pretende usar o USB OTG Checker não apenas como ferramenta de checagem a respeito do suporte ao OTG no celular, mas como gerenciador de arquivos.

Em todo caso, diante da interface desinteressante e do exagero na publicidade que enche a tela, vale se perguntar se não é mais fácil simplesmente usar o USB OTG Checker para checar o suporte ao OTG e usar o gerenciador de arquivos nativo do celular para trocar dados com pendrives e HDs externos.

No geral, o USB OTG Checker cumpre o que promete: todos os recursos do app foram testados e funcionam corretamente. Entretanto, sua interface gráfica e a publicidade muito intrometida acabam confinando as possibilidades do aplicativo à de uma ferramenta para verificar o suporte ao USB OTG no celular. Qualquer uso mais ambicioso e prolongado do aplicativo simplesmente não se justifica: seu aparelho oferece gerenciador de arquivos de melhor qualidade.

Prós
  • Permite verificar o suporte ao USB OTG no celular
  • Oferece gerenciador de arquivos
Contras
  • Interface gráfica ruim e desinteressante
  • Publicidade exagerada torna o uso do app um teste de paciência
  • Totalmente em inglês

 

Qual computar devo comprar? Escolhendo as Máquinas – 2017 – continuação

Na hora de escolher um notebook, existem várias opções, alguns tem um processador melhor (a CPU ou “cérebro”), outros tem uma super placa de vídeo (é aquele treco dentro que monta as imagens), uma memória rápida, e por aí vai. Mas isso gera dúvidas sobre qual computador é melhor para você, seja jovem ou da terceira idade.

Escolher um notebook de qualidade (bom custo benefício) atualmente é tarefa um pouco complicada. Seja pela diversidade de marcas que lutam por um pedaço do mercado ou pelo grande número de configurações que temos de analisar até chegar em um equipamento que se adeque às nossas necessidades, você vai acabar perdendo um bom tempo fazendo comparações e pesquisas. Mas alunos espert5os consultam o professor antes de comprarem suas máquinas e celulares.

A grande questão é que nem sempre apenas ter uma máquina de qualidade preenche todos os requerimentos do consumidor moderno – terceira idade moderna.

Nós queremos que além de funcionar bem, a empresa fornecedora do equipamento nos trate bem, traga segurança e é claro, tenha um preço que reflita o que estamos comprando.

Mas não se preocupe, eu vou descomplicar! Separei algumas dicas do que é preciso ficar de olho na hora de comprar um notebook. Antes preciso explicar uma coisa, há o Computador grande de mesa, aquela com gabinete (aquela cubo grande), é o chamado DEsktop e os Notebooks. Os grandes são utilizados para trabalho mais profissional, mas os Notebooks podem receber acessórios (periféricos) extras e funcionarem com mesmo PODER dos DEsktops. Podemos comprar um mouse USB extra, um teclado USB extra, um Monitor grande e trabalharmos com 2 telas ao mesmo tempo igual aos filmes de espionagem da TV kkk.

Para conseguir demonstrar quais são as melhores marcas de notebook, fizemos uma análise baseada em informação e que contempla 3 tipos de informação:

  • Atendimento: análise do nível de atendimento através do ReclameAqui, uma plataforma de resolução de problemas entre usuários e empresas;
  • Produto: Índice de satisfação com o equipamento através de reviews de usuários no Buscapé e sites de comércio eletrônico;
  • Preço: nós tiramos uma média de modelos com configurações parecidas para ter uma ideia de quais são as marcas com os menores e maiores preços ( vocês vão entender melhor um pouco mais para a frente!)

Com essas 3 informações, nós geramos um ranking das principais marcas que não deve ser encarado como uma regra, mas umainformação capaz de te ajudar a encontrar a marca que mais se adapta às suas necessidades.

Vamos para a análise?

Atendimento ao cliente

Segundo dados entre novembro/2014 e outubro/2015, a empresa com melhor avaliação em atendimento no Reclame Aqui é a Positivo, única empresa brasileira entre as analisadas aqui. A Lenovo e ASUS ficam muito próximas, com notas medianas, mas o interessante é ver que muitas outras marcas de nome internacional estão com notas péssimas na plataforma.

AVALIAÇÃO DOS PRODUTOS

Para conseguirmos comparar de forma eficaz a qualidade dos equipamentos de cada marca de notebook, foi necessário adotar uma configuração padrão entre elas:

  • Processador Core I5 (geração 4 ou 5)
  • +4 GB de RAM
  • 14 polegadas
  • +500GB de HD

A nota final ficou por conta da média das notas entre o buscapé e os sites de compra, como você poderá ver logo em cada uma das análises de equipamentos abaixo:

Avaliação dos produtos de informática para terceira idade em Curitiba

PREÇO DOS EQUIPAMENTOS

As análises de preço foram feitas com base em Dez/2015 – então provavelmente terão bastantes alterações conforme o tempo passar, afinal o dólar oscilou bastante de lá para cá e o incentivo sobre produtos tecnológicos que existia até o fim do ano de 2015 foi retirado.

De qualquer forma, é possível verificar quais são as marcas que competem no mesmo espaço de preço – enquanto outras estão um pouco acima, como a Dell e Apple ( quase 3x mais que as outras) As análises de preço foram feitas com base em Dez/2015 – então provavelmente terão bastantes alterações conforme o tempo passar, afinal o dólar oscilou bastante de lá para cá e o incentivo sobre produtos tecnológicos que existia até o fim do ano de 2015 foi retirado. De qualquer forma, é possível verificar quais são as marcas que competem no mesmo espaço de preço – enquanto outras estão um pouco acima, como a Dell e Apple ( quase 3x mais que as outras)Processador

Quando você for pesquisar, vai perceber que têm diferentes tipos de processador ( O “CÉREBRO” OU PRINCIPAL RESPONSÁVEL PELA VELOCIDADE). Os mais comuns no mercado são os Intel Core i3, i5 e i7 – esse último é o mais rápido desses três.

Hoje em dia, a maioria dos processadores são rápidos o suficiente para realizar tarefas do dia a dia, como navegar na internet e trabalhar com arquivos de texto, ou seja, o i3 dá conta do recado. Vale a pena comprar um notebook com um processador potente, como o i7 ou um superior, se for usar o aparelho para jogar ou fazer edições de fotos e vídeos, tá?

E, olha essa dica: o processador é a parte mais cara do computador. Então, se você não precisa de um processador muito veloz, pode economizar comprando um aparelho com um processador mais básico!

 

Memória RAM

A memória RAM é um item importante porque ele guarda todos os programas que estão rodando quando o notebook está ligado. Para você não ter problemas de lentidão, travamentos ou da tela azul, que é quando o computador desliga sozinho, o mínimo recomendado são 2GB, tá?

Mas, se você pretende usar o note com mais frequência, prefira um com memória RAM de 4GB. Agora, se o objetivo é editar fotos, vídeos e jogar, o ideal é um de 8GB ou mais.

 

Armazenamento – HD ou Disco Rígido

Se você é do tipo que salva todas as fotos de família, filmes e músicas no notebook, então é bom optar por um espaço de armazenamento grande, como um de 500 GB ou de 1 TB, que são suficientes para guardar essas coisas, além de arquivos de trabalho, faculdade e alguns programas que você baixar. E é bastante espaço, quer ver? Para se ter uma ideia, em 1GB dá para guardar mais de 200 fotos em alta resolução!

Aqui existem duas opções de armazenamento interno: HD e SSD. Os HDs são ideais para guardar arquivos, já os SSDs são focados em velocidade, ou seja, é ideal para carregar aplicativos. Mas, aparelhos com SSD são muito mais caros e bem menores no espaço.

 

Placa de vídeo

A placa de vídeo serve para mostrar todas as imagens que vão aparecer na tela. Por isso, se o objetivo for assistir a vídeos ou jogar no notebook, procure um com uma placa de vídeo mais potente.

 

Tela

Gente, quando for pensar no tamanho da tela do notebook, é importante lembrar que quanto maior ela for, mais pesado é o aparelho e mais bateria ele gasta! Por isso, o tamanho da tela deve ser o ideal para as suas necessidades: se você quer levar o note para tudo quanto é lado, escolha telas de 11 ou 13 polegadas (são pequenas) ; mas se ele for ficar em casa, modelos de 15 ou 17 polegadas podem ser uma boa opção.

 

Bateria

A vida útil da bateria depende muito dos outros componentes do notebook e do tamanho da tela. Por isso, procure por marcas que vendam a bateria a parte, para você ter uma de reserva para caso a que você está usando acabar ou, então, procure por um notebook com bateria estendida, que dura um pouco mais que as comuns, tá?

 

Extras ou Periféricos

Por fim, dê uma olhada em todos os recursos extras que são oferecidos. Alguns modelos já não oferecem mais entrada para CD e DVD, pois além de deixarem o notebook mais pesado, já dá para salvar arquivos em pen drive e assistir vídeos e filmes direto da internet.

Quanto às outras entradas, o ideal é que tenha, pelo menos, três entradas USB 3.0, para conectar pen drive, mouse, HD externo e carregador de celular; uma porta HDMI para conseguir conectar o computador na televisão ou em um projetor; se quiser, também pode procurar um aparelho com entrada para cartão SD para conseguir transferir fotos de uma câmera digital, por exemplo.


Agora que já conhecemos informações das marcas e características das máquinas por dentro (o hardware), está na hora de olhar os seus principais modelos e entrar um pouco mais a fundo nas informações de cada uma delas.

LENOVO

 NOTA: 7,8/10     REVIEW COMPLETO  

A Lenovo conseguiu a primeira posição em nossa análise por ser a empresa mais constante entre todas as analisadas. Ela tem uma nota mediana no ReclameAqui, um preço bastante competitivo e modelos bem avaliados.

Além disso, a empresa é a maior empresa de computadores do mundo e conta com um portifólio de equipamentos bastante variado, que vai desde os equipamentos com processadores dual core e preços de entrada até equipamentos de altíssima perfomance que são usados em centros de pesquisa e por profissionais que necessitam de uma boa quantia de processamento.

Como estamos falando de notebooks mais gerais, é importante ressaltar que os modelos oferecidos por essas marcas são amados por seu grande espaçamento entre teclas e forma curva das teclas, uma marca registrada da Lenovo.

Lenovo 2017

ASUS

 NOTA: 7,1/10     REVIEW COMPLETO  

A ASUS é amada por seus designs elegantes e inovação. A marca tem recebido críticas sólidas de diversos tipos de clientes e vem tentando inovar bastante em seus equipamentos.

É bom lembrar que a empresa é uma das poucas que fabricam placas mãe e que usa seu conhecimento para fabricar seus próprios e diferentes modelos, que estão caminhando lentamente para híbridos entre tablets e notebooks.

A marca fica em segundo lugar quando falamos de atendimento, possui uma nota de equipamento mediana e se destaca no preço, já que é um dos equipamentos mais baratos.

ASUS 2017

ACER

 NOTA: 6,3/10  

A Acer é a terceira maior fabricante de computadores do mundo e coincidentemente ficou em terceiro lugar aqui em nossa análise. Criada em Taiwan, a empresa começou a vender aqui no Brasil em 2005 e em 2011 ganhou a liderança do mercado, que acabou perdendo com o tempo.

A marca possuiu uma da melhores notas de equipamento e uma das piores em atendimento, um cenário bastante contrastante. Os equipamentos da Asus são geralmente bastante baratos ( como mostra a análise).

ACER 2017

HP

 NOTA: 5,8/10     REVIEW COMPLETO  

A HP ganhou muito prestígio desde sua criação, com o seu grande portfólio de produtos. Ela está bastante presente como principal provedora de equipamentos em diversas empresas e utiliza da sua força para colocar estes equipamentos no pacote, já que ainda não é tão reconhecida no mercado de notebooks.

Felizmente, os modelos não são só de qualidade como o grande número de locais que prestam serviço técnico é grande, facilitando o processo de assistência técnica.

Esta é, com certeza, uma marca em que você pode confiar para utilizar na sua empresa.

 

POSITIVO

 NOTA: 5,2/10     REVIEW COMPLETO  

A Positivo Informática nasceu em 1989 a partir da necessidade que foi detectada por alguns alunos do curso de informática das Faculdades Positivo. Nesta época, o mercado brasileiro ainda era totalmente fechado às importações e o mercado não conseguia suprir a demanda, dependendo da demanda internacional.

Segundo a IDC, a Positivo Informática é líder no mercado brasileiro de PCs, com 15,3% do mercado total e 19,2% do mercado oficial (números de 2013)Os índices no site Reclameaqui da Positivo Informática são positivos. Com 90% de reclamações atendidas e 78% de casos com solução.

 

SAMSUNG

 NOTA: 5,1/10     REVIEW COMPLETO  

A Samsung atualmente é a empresa que mais vende smartphones no mundo, e foi iniciada em 1938, na Coréia. A empresa, que atualmente é uma das principais manufaturas de LCD para notebook entrou no mercado de equipamentos portáteis apenas em 2011, com a linha Samsung Series.

Os equipamentos da marca tem a vantagem de conversação com outros equipamentos da marca através de softwares nativos da própria Samsung.

Em nossa análise, a empresa ficou para trás no atendimento – que também engloba a venda de todos os equipamentos da marca. Na questão de avaliação do notebook e do preço, a empresa ficou muito perto das outras, em um ranking mediano.

 

DELL

 NOTA: 4,7/10     REVIEW COMPLETO  

 

A Dell oferece uma mistura de designs extravagantes e bastante práticos e básicos. A empresa oferece planos de suporte técnico e pacotes através da compra de seu site, que permite algumas personalizações.

A empresa também possui a linha de notebooks para games Alienware, que possui configurações bastante potentes e claro, um preço enorme.

Em nossa análise, a Dell ficou em último lugar por ter notas ruins tanto em atendimento através do reclameAqui, uma nota um pouco abaixo da médio em equipamentos e um preço acima da média durante a época de análise.

Lembre-se, estes dados são válidos para 2017 e podem variar a qualquer momento. Professor Dalton de Curitiba, especializado em Terceira Idade.

Referências consultadas:

  • http://blog.laptopmag.com/
  • www.rankingthebrands.com
  • www.reclameaqui.com.br
  • http://escolhasegura.com.br/melhores-marcas-de-notebook/
  • https://olhardigital.com.br/lu-explica/noticia/quer-comprar-um-notebook-veja-dicas-de-como-escolher-o-melhor-aparelho/60453

Qual computar devo comprar? Visão geral. 2017

Qual notebook serve para mim?

Qual Tablet me atenderá?

Qual smartphone é bom?

Meus alunos da Terceira Idade em Curitiba vivem me perguntando. É uma tarefa difícil mesmo, pois não existem marcas boas ou marcas ruins, tudo depende da época do ano (repare que fiz questão de inserir o ANO no título do artigo), do modelo, das características. Todas as “marcas” ou “montadoras” fabricam / montam modelos bons, ruins, péssimos e excelentes, e as vezes depende de sorte. Eu nunca compro uma máquina que foi lançada recentemente, nem carro, nem smartphone, nem celular, muito menos computador.

As vezes aparecem os vícios, os defeitos de fábrica apenas no decorrer do tempo. Sempre aguardo os afobados ansiosos comprarem primeiro para depois eu pesquisar nas revistas especializadas não apenas o “melhor” aparelho, mas o de melhor custo benefício.

Um bom custo benefício é o que dizemos de algo que nos atenderá bem, atenderá bem nossas necessidades, terá um preço justo e razoável e terá as melhores características técnicas que milha escolha / dinheiro / necessidade poderá comprar.

E quando eu pesquiso, não acredito em apenas um review (análise técnica) de um dado consultor, mas em vários, pois muitos consultores (Techtudo, Tecmundo, Uol, Gizmodo, Olhar Digital, G1 Tecnologia, ZOOM, etc, podem estar corrompidos, serem comprados por algum fornecedor e endossarem marcas suspeitas que não são de fato boas. É bom sempre, duvidar de todas, pesquisar em todos e fazer uma média.

As vezes é bem difícil escolher. Para começar levanta-se quais as necessidades do usuário.

O que você quer fazer com o computador / notebook / tablet / celular? É para lazer? Para trabalho? Para ambos? Qual valor que pretende / pode / quer gastar? Quer uma máquina muito rápida? Precisa de muita memória? É para jogos? E por aí vai uma série de perguntas chatas que mais parece uma entrevista de emprego ou levantamento de perfil psicológico – kkkkk.

Os usuários da Terceira Idade ( Curitiba ) geralmente querem para fins de entretenimento, fazendo com que seja suficiente uma máquina média (intermediária ou mediana). Por que não comprar uma máquina básica? Para não ficar ultrapassado já de saída, a não ser que sua condição de poder financeiro seja apertada, digamos assim.

Escrever um texto básico, navegar na internet, usar Facebook, usar o Whatts App (dá para usar no computador também – chamado WhastsApp para web – eu adoro). Até dá para usar o Android no PC com um software simulador de Android chamado Nox – já testei é bem razoável, mas é pesado e exige um computador bom. Enviar e receber um e-mail (creia-me isso ainda existe, e muito, e eu não abro mão).

Tais alunos da Terceira Idade (em Curitiba) me perguntam sobre aprender no celular e uma coisa é certo: para terceira idade as telas tem que ser maiores!! Quanto menores as telas pior de enxergar e de acertar os toques (cliques) com os dedos. Mas eu ensino onde quiserem, até a usar o DVD e a máquina fotográfica kkk.

Em seguida vou escrever outro artigo sobre os equipamentos em si, de forma genérica, simples e superficial, para não confundir meus aluninhos queridos da Terceira Idade.